Rede Rio FM

Marinete do Forró fará passeios especiais ao Chica Chaves para divulgar artesanato local em Aracaju

A gestão municipal reconhece a relevância cultural e econômica do artesanato e trabalha em fina sintonia com as artesãs e artesãos do Chico Chaves

Por Gilson Neto em 08/06/2023 às 21:33:21

Fotos: Marcelle Cristinne

Os festejos juninos são uma forte tradição cultural em Sergipe e ganham contornos mais acentuados em Aracaju, nesta época em que a cidade se transforma em um imenso "arraiá", com festas, shows e outras manifestações culturais em diversas localidades.

Neste período, há uma forte movimentação de turistas que chegam à cidade para viver essa diversidade cultural. Dessa forma, visando fortalecer a comercialização do artesanato produzido pelas artesãs e artesãos do Centro de Artesanato Chica Chaves, localizado na Orlinha do Bairro Industrial, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal do Turismo (Setur), decidiu ampliar a passagem da Marinete do Forró pelo local.

No roteiro regular, ao longo do ano, a Marinete faz uma passagem no Chica Chaves, todas as sextas-feiras, mas, neste mês de junho, com o Forró Caju, realizado pela Prefeitura, o tradicional veículo junino fará tours especiais todas as quintas, sextas e sábados de junho, cumprindo um passeio conforme roteiro, dias e horários a seguir:

Junho – Roteiro Especial de Forró Caju 2023

Quinta- feira – 15, 22 e 29 de junho
Sexta-feira – 9, 16, 23 e 30 de junho
Sábado – 10, 17 de junho e 1º de julho

- Ponto de partida e de retorno: Arcos da Orla da Atalaia

- Horário do embarque: às 15h.

- Roteiro: Orla da Atalaia / Centro de Artesanato Chica Chaves / Orla da Atalaia;

- Tempo de Permanência: 30min;

- Capacidade máxima de passageiros: 24 pessoas, mais integrantes da tripulação da Marinete do Forró (trio pé de serra, casal de dançarino junino, guia de turismo e equipe da Setur)

- A ocupação das vagas é feita por ordem de chegada, que começa a partir das 13h, e informações sobre a Marinete do Forró podem ser obtidas pelo número (79) 9-9152-2790, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.


Para o secretário do Turismo de Aracaju, Jorge Fraga, o artesanato é um forte componente na cadeia produtiva do turismo e a arte produzida pelos profissionais do Chica Chaves é motivo de orgulho para Sergipe.

"O artesanato do Chica Chaves é a expressão da nossa cultura, da identidade e que produz um efeito muito positivo não só para o destino turístico Aracaju, mas para todo nosso estado. A gestão municipal reconhece a relevância cultural e econômica do artesanato e trabalha em fina sintonia com as artesãs e artesãos do Chico Chaves. É um orgulho mostrar aos nossos visitantes a arte produzida pelas mãos desses valorosos artistas, por isso mantemos nosso compromisso de fomentar cada vez mais o artesanato produzido no Chica Chaves", afirma o gestor do Turismo.

A decisão agradou artesãs e artesãos do Chica Chaves, que veem na medida um compromisso da gestão municpal com a arte que produzem e a geração de renda para os trabalhadores do centro na Orlinha do Bairro Industrial.

"Nós, do Chica Chaves, só temos a agradecer o apoio que sempre recebemos da Prefeitura e do secretário Jorge Fraga no compromisso de fortalecer o nosso artesanato. A Marinete do Forró é um símbolo pra gente, vêm turistas de todos os lugares dentro dela, até de fora do país, e que passam a conhecer o nosso trabalho. Por isso, é muito importante a Marinete aqui pra gente, isso fortalece a imagem da nossa cidade e gera renda para nós artesãs", afirmou a artesã Denise Santana.

Após o ciclo junino, os passeios da Marinete voltam a ser realizados apenas às sextas-feiras, com o city tour regular cumprindo o seguinte roteiro: Arcos da Orla da Atalaia / Largo da Gente Sergipana / Orla do Bairro Industrial e Centro de Artesanato Chica Chaves / Mercados Centrais / Palácio Museu Olímpio Campos / Retorno à Orla da Atalaia.

Fonte: Prefeitura de Aracaju

Comunicar erro

Comentários

GILSONNETO.COM